13 de março de 2008

Deu-me que pensar..

"Se te apetecer voltar toca a campainha três vezes e carrego naquele botão que abre a porta da rua. e se me avisares com antecedência compro um bolo. Quando não estiveres cá e me sentir sozinho como as migalhas que sobrarem. Vou contar-te um segredo: há alturas em que as migalhas ajudam!"

António Lobo Antunes

"O amor é uma coisa. A vida é outra."

5 comentários:

_Purple Wings_ disse...

Vou ser a 1ª a comentar no teu novo blog! Que felicidade!
Todo modernaço!!

Embora ambos em separado, valem muito mais quando juntos, nem que seja por um instante.

Beijinhooooooo

I'm a Saint! disse...

Ah! um novo "blogue"!

Gostei do excerto... gostava de ter migalhas para comer... migalhas como recordação e como saudade, em que um dia aquele alguém volta!

*alma de poderosa* disse...

ai andast a ler o lobinho..gsto tanto!
ja tou cm dz o outro.."hei-d juntar os livros todos d lobinho..um dia hei.d ter uma colecção!eheheh ve la s sbs k frase tou a tentar imitar..uma charada vah p animar ..ehehe

perdida disse...

Fernando Pessoa? "Pedras no caminho? Guardo-as todas, um dia hei-de construir um castelo"?

*alma de poderosa* disse...

ehhhhh certo...e tao inteligent a mh pita krida!!